Beira de Estrada


Cheiro de vômito no ar
30/07/2009, 4:46 pm
Filed under: Caronas | Tags:

Segunda-feira de manhã, voltando para Viçosa, vejo dois amigos pedindo carona na saída de Ponte Nova. Infelizmente o carro estava cheio e eu também estava de carona. Os dois com uma cara de dar dó. Naquela aparência que condena a noite. Dei tchauzinho, mas eles não viram. Rapidamente peguei o celular e falei que havia acabado de passar por eles.

Os dois estavam de ressaca. Sem dinheiro, tomaram cachaça barata a noite inteira curtindo o show de Zé Ramalho em Mariana . Dormiram na rua, debaixo de uma tábua e sem cobertor. Isto, durante o inverno. Quem conhece a região de Ouro Preto e Mariana deve estar se perguntando por que os dois mocinhos não morreram de hipotermia. Depois desta noite maravilhosa os dois conseguem uma carona com um homem e seu filhinho. O menino, com um pouco de medo, fala para o pai: “Papai, não dá carona para eles não”. O pai, que ia pra Vitória-ES não escutou o filhinho e topou levar os meus dois amigos até Ponte Nova. Os dois, com um pouco de vergonha pelo comentário do garoto entram no carro assim mesmo.

Estrada, curvas e mais curvas. O estômago em jejum e maltratado pela desgramada da cachaça começa a revirar. Quem está acostumado a pegar carona sabe que você se sente na obrigação de conversar com o motorista, se mostrar grato pelo favor. Naquela situação de ser simpático e ao mesmo tempo garantir a entrada de ar pela janela, um deles não agüenta e faz uma bela de uma meleca no carro do carona. O cheiro de vômito domina o carro. O garotinho, bravo com a situação olha para o pai e fala: “Num falei papai, que não era para você dar carona?!”

Anúncios


Hello world!
27/07/2009, 11:36 am
Filed under: Caronas

Welcome to WordPress.com. This is your first post. Edit or delete it and start blogging!